Vida de Cassia Eller volta aos palcos

O espetáculo "Cássia Eller, o Musical", que já foi visto por mais de 400 mil espectadores, retorna a São Paulo em agosto para uma temporada de 15 apresentações no Teatro Opus Frei Caneca. Musical retorna à pauliceia depois de rodar todas as capitais brasileiras.

Redação Caulturize-se | Fotos: Marcos Hermes e Acervo Débora Dornelles

A encenação destaca a carreira de uma das vozes mais marcantes da Música Popular Brasileira. Através dos versos de Renato Russo, "Sou fera, sou bicho, sou anjo e sou mulher", podemos compreender um pouco da personalidade da artista: forte e enérgica nos palcos, mas também tímida e reservada fora deles. Cássia Eller foi uma mulher de poucas palavras, porém cantava com infinitos sons, dona de uma voz doce e amiga na vida, mas surpreendente e poderosa na arte.

O texto original é de Patrícia Andrade e retrata a vida de Cássia desde o início da carreira em Brasília até a fama nacional, incluindo seus amores, especialmente Maria Eugênia, sua companheira, com quem criou o filho Chicão. O roteiro passeia por músicas autorais como "Flor do Sol", bem como por canções que ficaram imortalizadas por Cássia Eller, como "Malandragem" (Cazuza/Frejat), "Socorro" (Arnaldo Antunes/Alice Ruiz) e "Por Enquanto" (Renato Russo).

O papel-título é interpretado por TACY, atriz e cantora de Curitiba, que foi escolhida após um rigoroso processo de audições com mais de 1000 candidatas, e o elenco conta com 6 atores/cantores e cinco músicos.

“Ela surpreendeu a todos e, antes mesmo dela cantar, já estávamos magnetizados pela figura tímida e doce que ela é", observa o diretor Viniciús Arneiro. Para Para João Fonseca,  o outro diretor, esse é um espetáculo diferente dos musicais biográficos que ele dirigiu anteriormente (sobre Tim Maia e Cazuza). “É focado no essencial, simples e teatral como a própria Cássia. Apenas cadeiras, os atores e os músicos".