Netflix tem ganho de assinantes e revela novas estratégias

Redação Culturize-se | Fotos: Pixabay; reprodução/internet

Na apresentação que faz quadrimestralmente a acionistas e investidores nos EUA, a empresa divulgou que ganhou 1,75 milhão de assinantes no período, elevando o número total global para 232,5 milhões.

O crescimento de assinantes representou um aumento de 4,9% em relação ao desastroso primeiro trimestre de 2022, quando a plataforma perdeu assinantes e desencadeou de certa forma um efeito dominó para outras empresas de mídia que haviam até então investido tudo em streaming.

A Netflix teve um crescimento modesto na região dos EUA/Canadá, onde o mercado é mais competitivo, adicionando 100.000 assinantes durante o trimestre. Na América Latina, o desempenho decepcionou, já que houve perda de 450.000 assinantes. A empresa disse, ainda, que vai permitir mais opções de compra para o inventário de anúncios da Netflix, reforçando seu foco na publicidade dentro da plataforma.

Outra medida anunciada pela Netflix diz respeito ao compartilhamento de senhas, cujas medidas de repressão já estão em cursos em diversos países. No 2º semestre, a empresa vai lançar um plano que prevê justamente o compartilhamento de senhas por IPs diferentes. A novidade faz parte dos esforços de para não afugentar assinantes, tampouco estimular a pirataria.