Quem é  Omar Apollo?

Imagens: Reprodução/Instagram @omar.apollo

O cantor e guitarrista de 25 anos tem dominado o cenário atual com uma mistura de R&B e ritmos latinos, emplacando hits como “Evergreen” e “Tamagoshi

Filho de mexicanos, ele cresceu nos EUA, onde aprendeu a tocar guitarra e começou a fazer música sozinho. Depois de colocar uma produção independente no Spotify em 2017, “Ugotme”, ele logo começou a chamar a atenção da indústria.

Com apenas 21 anos, ele lançou um EP, “Stereo”, e partiu em turnês por festivais nos EUA e na Europa.

Com letras em inglês e espanhol, ele fez parcerias com os cantores C Tangana e Kali Uchis. Com o primeiro, foi indicado ao Grammy Latino em 2021. Em 2023, dividiu a indicação de Melhor Novo Artista com Anitta no Grammy.

Depois de dois anos lançando diversos singles, os reuniu na mixtape “Apolonio”, lançada em 2020, incluindo faixas como “Kamikaze” e “Want U Around”

Foi só no ano passado, em 2022, que ele lançou seu primeiro álbum, “Ivory”. Com um hit que emplacou no TikTok, “Evergreen”, ele entrou nas paradas do Spotify, Apple Music e Billboard 100.

Abertamente homosexual,  ele canta sobre amores não correspondidos e as complexidades de relacionamentos nas faixas que vão de leves baladas até ritmos feitos para dançar.

Uniu-se a SZA em parte de sua turnê norte-americana, e deve seguir divulgando o álbum durante o verão no hemisfério-norte. Mas esse é só o começo para esse garoto de Indiana que está ganhando o mundo