7 FILMES SURPREENDENTES DE 2022

Fonte: Getty Images

Por Jéssica Stuque

7_MEDIDA PROVISÓRIA

Imagine viver em um país cujo governo aprova uma medida provisório que obriga os cidadãos negros a se mudarem para a África. É disso que se trata a distopia de estreia de Lázaro Ramos como diretor. O longa mostra como um casal e um primo jornalista sobrevivem a essa atmosfera, carregada de simbolismos que surpreendem pela semelhança com a realidade.

Fonte:Divulgação

6_ ATÉ A MORTE

O terror estrelado por Megan Fox conta a história de uma mulher que é deixada algemada a seu marido morto como parte de uma trama de vingança. A surpresa talvez resida no fato de estarmos acostumados com a atriz, que virou sex symbol da indústria hollywoodiana, desempenhando papéis menos desenvolvidos. A todos que menosprezaram o seu potencial, Megan Fox deu um show de atuação.

Fonte:Divulgação

5_ FLEE

O documentário de animação conta a tocante história de Amin Nawabi, que fugiu do Afeganistão quando criança, tornou-se um acadêmico de sucesso na Dinamarca e está prestes a se casar com seu namorado. Belo  na história e na poesia visual, o filme recebeu uma inédita indicação tripla ao Oscar 2022 (melhor documentário, melhor animação, melhor filme internacional).

Fonte:Divulgação

4_O TELEFONE PRETO

Surpreendente está a atuação de Ethan Hawke no papel de um sádico sequestrador mascarado que mantém um garoto de 13 anos em um porão à prova de som. No terror dirigido por Scott Derrickson, um telefone preto desconectado da parede toca e Finney é capaz de ouvir as vozes das outras vítimas do assassino.

Fonte:Divulgação

3_MARTE UM

O que esperar do futuro de uma família negra que mora na periferia de Contagem (MG) após a eleição de um presidente que representa o contrário de tudo o que eles são? O brilhante filme de Gabriel Martins surpreende por invocar o afeto e mostrar como os sonhos não foram sufocados diante da cruel desigualdade social.

Fonte:Divulgação

2_A FILHA PERDIDA

(Aqui vale uma licença poética, já que o filme foi estreado em 31 de dezembro de 2021). Baseado em livro de Elena Ferrante, o filme dirigido com maestria por Maggie Gyllenhaal e atuação brilhante de Olivia Colman evoca as feridas de uma mãe errante. Chega a ser incômodo, ao mesmo tempo que gera empatia pela crueza da realidade.

Fonte:Divulgação

1_TUDO AO MESMO TEMPO EM TODO LUGAR

Nada é trivial neste longa que mescla drama, comédia, ação e ficção científica. Com sequências de tirar o fôlego que nos surpreendem a todo momento criando e quebrando expectativas, o filme mostra como uma mulher chinesa que está com tudo falindo (negócio, casamento e relação com a filha) migra por diferentes realidades paralelas do que poderia ser sua vida. Simplesmente uma obra-prima.

Fonte:Divulgação